25 de Maio de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

POLÍTICA Segunda-feira, 16 de Dezembro de 2019, 10:20 - A | A

Segunda-feira, 16 de Dezembro de 2019, 10h:20 - A | A

GASTOS

Governo gasta mais de R$ 32 milhões com diárias em onze meses; secretária é campeã em reembolso

Olhar Direto

A gestão do governador Mauro Mendes (DEM) gastou, nestes primeiros onze meses de mandato, mais de R$ 32 milhões com pagamento de diárias à servidores públicos, segundo o Portal da Transparência do Estado. A campeã em gastos é a secretária de Meio Ambiente, Mauren Lazzaretti, que já foi reembolsada em mais de R$ 56 mil, além do salário, até o início do mês de dezembro.



Lazzaretti, que está na Espanha participando da Conferência da ONU (Organização das Nações Unidas) sobre o Clima (COP25), encabeça a lista dos maiores recebedores de diárias, com algo em torno de R$ 4,7 mil por mês, fora seu salário de secretária que é de R$ 15,9 mil.

O segundo servidor que mais ganhou com diárias no ano foi o secretário de Desenvolvimento Econômico, Cesar Alberto Miranda Lima dos Santos Costa, que em onze meses, recebeu R$ 47,5 mil. No mês passado, ele também esteve na Europa a serviço do Estado.

No topo da lista também está o sargento da Polícia Militar Claudenil Pedroso, que está lotado na Governadoria. Ele recebeu até novembro cerca de R$ 38,5 mil.

Já o secretário de Saúde do Estado, Gilberto Figueiredo figura como o 20° da lista, com R$ 27,9 mil em diárias no ano.

A maioria dos gastos com diária, é concentrado na secretaria de Segurança Pública (36%). O Indea (Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso) é a segunda pasta que mais gasta e a Sema a terceira.

As diárias, segundo o Governo, são verbas concedidas pelo Estado para pagamento de despesas como estadia, alimentação e deslocamento que o servidor realiza em razão de viagens a trabalho.

A concessão de diárias de servidores e não servidores do Governo do Estado é regulamentada pelo Decreto nº 2101/2009, que dispõe sobre a concessão de diárias a servidores públicos civis ou militares e empregados públicos da Administração Pública Estadual Direta e Indireta.
 
 

Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image