23 de Junho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

VARIEDADES Segunda-feira, 02 de Dezembro de 2019, 15:29 - A | A

Segunda-feira, 02 de Dezembro de 2019, 15h:29 - A | A

BUFFET

Após trabalhar com buffet, mato-grossense de 70 anos abre café e serve suas delícias aos domingos

Olhar Direto

Ana Rosa de Oliveira Amorim, ou ‘Vovó Rosa’, como é conhecida, aprendeu a fazer salgadinhos ainda muito nova, para ajudar uma amiga, em Santo Antônio do Leverger, sua cidade natal. Com o tempo, foi aprendendo e criando, até chegar em suas próprias receitas. Em Cuiabá, trabalhou com buffet para festas e jantares e, há 50 anos, passou a fazer salgados sob encomenda. Em 2019, ingressou em uma nova jornada com a família e criou o ‘Café da Vovó Rosa’, para servir suas delícias aos domingos pela manhã.




“A ideia surgiu há uns quatro anos, em conversa com um amigo chef de cozinha. Como sempre gostei do que faço, sentia vontade de abrir um negócio que permitisse compartilhar com outras pessoas as minhas receitas. Mas, por motivos familiares, a só foi concretizada nesse ano”, contou ao Olhar Conceito.

Para colocar o plano em prática, vovó Rosa conta com uma equipe formada pela família e amigos, mas tudo passa por seu crivo. “O bolo de arroz, por exemplo, não fui eu quem inventei, claro, mas o que servimos no café tiveram algumas mudanças no preparo. Já a receita do pãozinho de frango, da coxinha cremosa (que ainda não está no cardápio do café, só dos salgadinhos para encomendas), eu fui desenvolvendo aos poucos, a partir de outras receitas”, explica.



No café da manhã, que fica no bairro Cidade Alta, o cardápio tem de tudo um pouco: bolo de arroz, bolo de queijo, bolo de queijo frito, bolo doce de polvilho, chipa, chipa com goiabada, coxinha de frango, empada, esfirra, pão recheado com frango, pastel de carne, quibe e risoles de carne variam de R$3 a R$4,50.

Para beber, o café e o chá são ‘refil’, por R$1, e também há água, suco de laranja, expresso, cappuccino, leite e refrigerante. É possível comprar para levar para casa salgados congelados e biscoitos caseiros.

Por enquanto, o café da manhã funciona somente aos domingos, das 6h30 às 10h30. “É o único dia que eu e minha família temos disponibilidade, devido a outros compromissos já assumidos, mas trabalharemos para que possamos abrir em outros dias, no futuro”, comenta vovó Rosa.

 



Para ela, o diferencial de sua cozinha está mesmo na equipe. “É estar em família. As pessoas que trabalham no café são meus familiares e nossos amigos. O café está sendo um encontro de pessoas, de amigos, alguns que não se encontravam há muito tempo. É um local de confraternização, as pessoas saem daqui felizes, e isso me deixa muito satisfeita. Estou muito feliz e agradecendo a Deus pela oportunidade”, finaliza.

Serviço

Café da Vovó Rosa
Endereço: Casa 01, Rua G, travessa com Rua Poconé – Bairro Cidade Alta
Funcionamento: Domingos, das 6h30 às 10h30


Informações: INSTAGRAM


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image