25 de Maio de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

POLÍTICA Quarta-feira, 18 de Dezembro de 2019, 13:17 - A | A

Quarta-feira, 18 de Dezembro de 2019, 13h:17 - A | A

MANDATOS CASSADOS

Prefeito e vice têm mandatos cassados pelo TRE-MT e município terá eleições suplementares

G1

A Justiça Eleitoral, mediante parecer do Ministério Público Eleitoral em Mato Grosso, negou provimento ao recurso interposto por Edvaldo Alves dos Santos e Zaqueu Batista de Oliveira, prefeito e vice-prefeito de Lambari D´Oeste, a 322 km de Cuiabá. Com o resultado da cassação, o município terá eleições suplementares.

No recurso, os réus alegaram inexistência de elementos que comprovassem abuso de poder econômico. Ilícito eleitoral pelo qual tiveram seus mandatos cassados.

Conforme a ação, os réus realizaram compra de votos, mediante a distribuição por meio de abastecimento gratuito nos postos Santiago e São Francisco, em Lambari D´Oeste, em troca de votos dos beneficiados.

Segundo o MPF, o esquema funcionava da seguinte maneira: o eleitor primeiramente deveria afixar em seu veículo um adesivo da propaganda eleitoral dos candidatos, a fim de poder, em seguida, abastecer seu veículo nos postos indicados, mediante autorização dada aos frentistas por uma terceira pessoa, que fazia parte da coordenação de campanha. Fato comprovado inclusive por registro de imagens.

O processo para as novas eleições terá início após a publicação do acórdão do TRE.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image