18 de Julho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

POLÍTICA Quinta-feira, 26 de Dezembro de 2019, 15:02 - A | A

Quinta-feira, 26 de Dezembro de 2019, 15h:02 - A | A

BALANÇO 2019

Novatos da Assembleia são os que mais cobram o governo

GAZETA

Em seus primeiros mandatos como deputados estaduais, alguns novatos se destacaram pelas cobranças ao governo. Eles foram os que apresentaram o maior número de indicações, ou seja, sugestões e cobranças ao Estado. Em 11 meses, o destaque ficou por conta de Elizeu Nascimento (DC) e Ulysses Moraes (DC).

 

No topo das cobranças está Elizeu, com 1.544 indicações, além de 68 projetos de lei. Já Ulysses fez 477 indicações e apresentou 32 projetos. Nesse quesito Silvio Fávero (PSL) fica em terceiro, com 352 indicações.

 

 

Entre os pedidos de Nascimento estão a solicitação para reforma geral de escolas, liberação de viaturas para municípios do interior, reforma de batalhões da PM, entre outros. Já Ulysses cobrou a manutenção do asfalto em rodovias estaduais, manutenção de praças, redução de impostos sobre combustíveis, etc.

 

Sobre as apresentações de projetos de lei, Fávero lidera os novatos, com 104 propostas, como a prioridade para órfãos em programas habitacionais e parcelamento de multas no cartão de crédito. Em seguida vem Paulo Araújo (PP), com 101 projetos e 249 indicações.

 

Porém nem só de bons resultados vivem os novatos. Quem menos apresentou projetos foi João Batista (PROS), com 26 propostas, seguido por Lúdio Cabral (PT), que teve 28 projetos.

 

Apesar da baixa produtividade, Cabral foi o único entre os novatos a apresentar duas propostas de emenda constitucional (PEC), ou seja, leis que alteram a constituição de Mato Grosso.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image