25 de Maio de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

POLÍCIA Quinta-feira, 05 de Dezembro de 2019, 11:01 - A | A

Quinta-feira, 05 de Dezembro de 2019, 11h:01 - A | A

RADARES

Licitação de radares e lombadas eletrônicas é suspensa pela segunda vez em Rondonópolis (MT)

A licitação para contratação de empresa que faria o serviço de monitoramento eletrônico do trânsito que aconteceria na manhã desta quarta-feira (4), em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, foi suspensa pela segunda vez este ano. O prazo do contrato com a empresa que prestava o serviço terminou em janeiro e não foi renovado.

A decisão de suspensão foi do prefeito José Carlos do Pátio (SD). Ele quer analisar os pedidos de impugnação feitos pelas empresas participantes do processo licitatório e prestar esclarecimentos sobre o edital.

Depois que essas análises forem feitas, uma nova data para lançamento do edital será marcada. A licitação seria para contratar uma empresa para fornecer equipamentos e mão de obra para fiscalização eletrônica e o monitoramento do avanço de semafórico, parada sobre a faixa de pedestres, excesso de velocidade e a circulação de veículos em local proibido.

A empresa vencedora também seria responsável pelo controle de informações de trânsito para emissão de notificações de infrações e penalidades.

 

Outra suspensão

 

Em junho deste ano, outra licitação dos radares e lombadas eletrônicas foi suspensa. Na época, o secretário municipal de Trânsito e Transportes explicou que houve muitas reclamações e decidiu suspender.

As câmeras dos radares foram retiradas depois que o contrato com a empresa que prestava o serviço foi encerrado, em janeiro deste ano. O acordo não foi renovado.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image