19 de Maio de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

POLÍCIA Segunda-feira, 02 de Dezembro de 2019, 14:35 - A | A

Segunda-feira, 02 de Dezembro de 2019, 14h:35 - A | A

SUSPENSO

Aulas estão suspensas em escola onde diretora foi esfaqueada por professor em MT

G1

As aulas na Escola Municipal Daniel Paulista Campos, em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, estão suspensas depois que a diretora da unidade foi esfaqueada por um professor. Cleiton Gomes Da Silva, de 45 anos, esfaqueou a diretora Rosileide Vaz da Silva.

A diretora chegou a ser internada, mas já se recupera em casa. O professor trabalhava no município há 15 anos.

A direção da escola vai fazer uma reunião às 18h na terça-feira (3) com professores e pais pra discutir a situação e definir o dia de retorno das aulas.

Na última sexta-feira (29) a diretora estava na sala dela quando o professor de matemática entrou armado com uma faca e a atacou.

 

Segundo a PM, ele tentou trancar a porta pra impedir a entrada de outras pessoas. A professora foi atingida por, pelo menos, três golpes de faca no ombro no cotovelo e nas mãos.

Depois das facadas ela foi levada pelos próprios colegas para um posto de saúde e em seguida a ambulância a levou para o hospital Regional.

 
Marcas de sangue ficaram pela escola em Rondonópolis — Foto: Polícia Militar de Mato Grosso/Assessoria

Marcas de sangue ficaram pela escola em Rondonópolis — Foto: Polícia Militar de Mato Grosso/Assessoria

Os alunos estavam na escola no momento da agressão e foram mantidos nas salas de aulas pelos professores para que a segurança de todos fosse garantida.

De acordo com a secretaria municipal de educação o professor é servidor efetivo do município há mais der 15 anos e já trabalhou em outras escolas.

Ainda segundo a prefeitura há um laudo médico que autorizava a voltar pra escola.

 
Cleiton Gomes Da Silva, de 45 anos, é professor de xadrez e esfaqueou a diretora Rosileide Vaz da Silva — Foto: Polícia Militar de Mato Grosso/Assessoria

Cleiton Gomes Da Silva, de 45 anos, é professor de xadrez e esfaqueou a diretora Rosileide Vaz da Silva — Foto: Polícia Militar de Mato Grosso/Assessoria

A secretaria disse que abriu um processo administrativo pra analisar se o professor será ou não retirado do cargo.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image