25 de Maio de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

CIDADES Sábado, 28 de Dezembro de 2019, 09:21 - A | A

Sábado, 28 de Dezembro de 2019, 09h:21 - A | A

SERVIÇOS URBANOS

Cata-treco encerra 2019 com 100 ações a mais em relação ao primeiro ano

Prefeitura de Cuiaba

Ao entregar os novos caminhões, ainda em dezembro de 2018, o prefeito Emanuel Pinheiro vislumbrou ao programa o Cata-treco um grande salto no número de atendimentos. Criado pela Prefeitura de Cuiabá em 2017, a atividade conquistou a aprovação popular logo em seu primeiro ano, chegando a 150 ações realizadas. Em 2018, a quantidade subiu para 170 e, em 2019, o programa fechará com 250 ações.Coordenado pela Secretaria de Serviços Urbanos, a ação passou também por adequação na forma de recebimento das demandas.

Em seus dois primeiros anos, o trabalho era executado a partir das solicitações dos presidentes das Associações de Moradores e como atividade integrante do Mutirão da Limpeza. A partir de 2019, uma nova ferramenta foi implantada, auxiliando no aumento de pedidos.Aproveitando-se de toda modernidade tecnológica existentes nos dias atuais, o Município criou o Disque Cata-treco (3645-5518 ou 9 9243-6502). Assim, a população, que antes participava apenas na etapa final, foi inserida por completo dentro do processo de zeladoria. Com a criação do sistema de agendamento, por meio de uma rápida ligação ou uma simples mensagem de WhatsApp, qualquer cidadão pode solicitar o recebimento do serviço, que funciona de segunda-feira a sábado.  

“Acreditamos que os números positivos são resultados de uma soma de fatores. O primeiro deles foi acreditarmos que essa seria uma iniciativa que daria certo. Depois, buscamos melhorar, fazendo o investimento em novos equipamentos e ferramentas de auxílio na prestação do serviço. Passamos a contar também com uma maior participação da população, o que é fundamental para o sucesso do trabalho”, comenta o prefeito Emanuel Pinheiro.De acordo com a Secretaria, a cada comunidade atendida, as equipes de trabalho retiram uma média de 30 toneladas de materiais descartados pela população. Nas ações, é feito o recolhimento de objetos como cama, sofá, geladeira, porta, janela e outros tipos que não possuem mais utilidade. Dessa forma, o Cata-treco é empregado como uma ferramenta de combate aos bolsões de lixo.“O Cata-treco exerce um papel de mecanismo de saúde preventiva e preservação ambiental.

Com o auxílio do programa, conseguimos evitar descarte irregular em áreas inapropriadas. Ao fazre a utilização do Cata-treco, o cidadão está contribuindo, por exemplo, na luta contra vetores transmissores de doenças, sendo o principal deles o mosquito Aedes aegypti”, explica o secretário de Serviços Urbanos, José Roberto Stopa.  Além disso, o programa cumpre uma função importante da inclusão social dos trabalhadores que atuam na área de reciclagem na Capital. “A Prefeitura possui parceria com quatro cooperativas que recebem os materiais. Já aquilo que não pode ser reaproveitado, a própria Secretaria de Serviços Urbanos faz o encaminhamento ao aterro sanitário, dando a destinação correta”, pontua o diretor de Resíduos Sólidos, Anderson Matos.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image