18 de Julho de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

SAÚDE Quarta-feira, 13 de Março de 2024, 07:56 - A | A

Quarta-feira, 13 de Março de 2024, 07h:56 - A | A

IR PARA INCLUIR

SES realiza coleta de sangue em Querência e leva atendimentos especializados às pessoas com deficiência

Serviços serão ofertados de terça a quinta-feira, das 7h às 11h e das 13h às 17h, na Avenida Central do município

Redação

As unidades especializadas da Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso (SES-MT) ofertam, entre esta terça e quinta-feira (12 a 14), diversos atendimentos aos moradores de Querência (a 765 km de Cuiabá) por meio do projeto "Ir para Incluir".

Entre os serviços disponibilizados estão: coleta de sangue, cadastro de doadores de medula óssea, avaliação para concessão de cadeiras de rodas ou outros meios de locomoção e orientação de saúde bucal às Pessoas com Deficiência (PCD). Também haverá capacitação e treinamentos sobre saúde bucal, e mental e hanseníase para servidores da saúde municipal.

Os serviços serão ofertados das 7h às 11h e das 13h às 17h na Avenida Central de Querência, nº 240, setor A (ao lado do Centro de Saúde).

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

Para o atendimento, é necessário documento oficial com foto (RG ou CNH), CPF e Cartão do Sistema Único de Saúde (SUS).

"O projeto ‘Ir para Incluir’ facilita o acesso aos serviços especializados que são ofertados pela SES em Mato Grosso. Uma parte das nossas unidades especializadas se desloca até o usuário que está no interior do Estado. Queremos incluir a todos por meio deste trabalho itinerante", afirmou o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo.

Durante os três dias de atendimento, a carreta do MT Hemocentro estará estacionada nas proximidades do Centro de Saúde. Na unidade móvel, será feita a coleta de sangue de doadores voluntários e o cadastro para doação de medula óssea.

O Centro Estadual de Odontologia para Pacientes Especiais (Ceope) realizará o treinamento, a orientação e supervisão do atendimento odontológico às pessoas com deficiência previamente agendadas. Já o Centro de Reabilitação Integral Dom Aquino Corrêa (Cridac) realizará a análise para futura concessão de cadeira de rodas ou outros meios de locomoção, além da entrega de materiais.

Conforme o secretário adjunto de Unidades Especializadas da SES, Luiz Antônio Ferreira, a expectativa é de que sejam realizados cerca de 250 atendimentos durante os três dias de ação no município.

"Somente em 2023, percorremos sete municípios e atendemos cerca de 2,5 mil pessoas. Nossa proposta é ampliar esse número para incluir todos que precisam de atendimento especializado", destacou o secretário.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image