28 de Maio de 2024

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

POLÍCIA Quinta-feira, 02 de Maio de 2024, 08:54 - A | A

Quinta-feira, 02 de Maio de 2024, 08h:54 - A | A

EM SINOP

Marido é preso em flagrante pela PM por agredir mulher e incendiar residência

Os militares ainda cumpriram um mandado de prisão em desfavor do agressor

Redação

A Polícia Militar prendeu um homem de 27 anos acusado de violência doméstica e de incendiar sua própria residência na noite desta sexta-feira, em Sinop. Após receber uma denúncia, a equipe do 11º Batalhão foi até o local no bairro Novo Horizonte.

Os policiais encontraram uma mulher com lesões pelo corpo, resultado das agressões sofridas pelo marido, que foi detido em flagrante no local. A vítima afirmou aos policiais que o suspeito é usuário de drogas e que durante a noite eles iniciaram uma discussão, durante a qual o homem começou a agredi-la com tapas no rosto e nos braços, além de quebrar seu celular e outros aparelhos.

Segundo ela, após a discussão, o homem ateou fogo na casa usando um pano molhado com álcool. Ela conseguiu fugir e acionar a polícia, que confirmou o incêndio.

Quer ficar bem informado em tempo real? Entre no nosso grupo e receba todas as noticias (ACESSE AQUI).

Os militares se aproximaram da residência, constataram o incêndio e acionaram a equipe do Corpo de Bombeiros, que rapidamente controlou as chamas. O fogo causou danos parciais na casa e destruiu um sofá, uma cama, um televisor, entre outros objetos.

A prisão em flagrante se somou à execução de um mandado de prisão por homicídio, emitido pelo município de Caxias, no Maranhão, encontrando-se em aberto contra o suspeito. Ele foi entregue à Polícia Judiciária Civil.

A Polícia Militar lembra que a sociedade pode contribuir com as ações de segurança, sem se identificar, através do telefone 190 ou pelo disque-denúncia 0800.065.3939.


Comente esta notícia

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br). É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Jornal Centro-Oeste Popular (copopular.com.br) poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.


image