26 de Maio de 2019

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

Sexta-feira, 17 de Maio de 2019, 15h:57 - A | A

MT registrou 26 crimes de homofobia e 3 assassinatos no 1º trimestre de 2019

G1

image

Mato Grosso registrou 26 casos de crimes motivados por homofobia e três homicídios no período de janeiro a março deste ano. O balanço foi divulgado nesta sexta-feira (15), no Dia Internacional de Combate à Homofobia.

Os dados são do Grupo Estadual de Combate aos Crimes de Homofobia (GECCH), da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT).

Segundo o balanço, nos 12 meses de 2018, foram 22 mortes e 116 registros de crime de homofobia.

O Dia Internacional Contra a Homofobia foi criado para homenagear a data em que o termo homossexualidade foi retirado da Classificação Estatística Internacional de Doenças (CID). A homossexualidade deixou de ser considerada doença há 29 anos, mas preconceito e violência ainda persistem.

A data tem como objetivo conscientizar a população sobe a luta travada contra a discriminação e vários tipos de preconceitos contra as diferentes orientações sexuais e identidade de gênero.

A homofobia consiste no ódio, rejeição e preconceito a Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, transexuais ou Transgêneros (LGBT).

Mais de mil profissionais das forças de segurança pública de Mato Grosso passaram por cursos de atendimento aos LGBT's entre 2018 e 2019.

 

Violência

Entre 2016 e 2018, os homicídios de vítimas LGBTs (lésbica, gay, bissexual, travestis e transexuais) aumentaram em 66%, em Mato Grosso. Quinze pessoas foram assassinadas vítimas de homofobia no estado, de acordo com dados do Grupo Estadual de Combate aos Crimes de Homofobia (GECCH) da Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp).

Imprimir

RÁDIO

Coletiva Santa Casa

Áudios da coletiva sobre a Santa Casa

image