19 de Junho de 2019

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

Segunda-feira, 10 de Junho de 2019, 09h:57 - A | A

GREVE DO TRANSPORTE PUBLICO

Funcionários do transporte coletivo alegam atraso salarial e fazem paralisação em Cuiabá e Várzea Grande

g1

Foto: Alizangela de Souza/Arquivo pessoal

image

Funcionários do transporte coletivo de Cuiabá e Várzea Grande, na região metropolitana da capital, fazem uma paralisação desde a madrugada desta segunda-feira (10). Eles alegam que estão com problemas no pagamento de salários e decidiram não trabalhar.

O sindicato dos funcionários do transporte público de Cuiabá dizem que o problema se arrasta há seis meses. Os trabalhadores e as empresas fizeram um acordo coletivo que previa o pagamento do salário no quinto dia útil de cada mês, o que não aconteceria de fato.

Os funcionários alegam que recebem o salário somente a partir do dia 19 e 20 de cada mês.

 
Funcionários do transporte coletivo alegam atraso salarial e fazem paralisação em Cuiabá e Várzea Grande — Foto: Alizangela de Souza/Arquivo pessoal

Funcionários do transporte coletivo alegam atraso salarial e fazem paralisação em Cuiabá e Várzea Grande — Foto: Alizangela de Souza/Arquivo pessoal

 

Os pontos de ônibus e estações amanheceram vazios na capital e em Várzea Grande.

Os trabalhadores prometem ficar com os braços cruzados até que os representantes das empresas deem um posicionamento sobre a situação.

A paralisação afeta 270 mil usuários e atinge 100% do transporte público da Grande Cuiabá.

A assessoria da Associação Mato-grossense dos Transportadores Urbanos (MTU) disse que as três empresas que atuam no setor tiveram dificuldades para fazer o pagamento, mas estão tentando viabilizar os salários.

Imprimir

ENQUETE

VEJA MAIS

Você é contra ou a favor ao novo decreto do porte de armas?

PARCIAL

RÁDIO

Coletiva Santa Casa

Áudios da coletiva sobre a Santa Casa


(65) 3052-6030

redacaocopopular1@gmail.com admcopopular1@gmail.com financeiro@copopular.com.br

image