Estado

22/03/2018 08:57 OLHAR DIRETO

​Soldado do Exército é preso e confessa ter matado homem em carro no Jardim Flamboyant

Um soldado do Exército de 21 anos, identificado como J.W.S., foi preso na noite desta quarta-feira (21) pelo Batalhão de Ronda Ostensiva Tático Metropolitana (Rotam) no bairro Jardim Flamboyant, em Cuiabá, e confessou ter sido o autor do assassinato de Rodson Vargas de Brito, morto a tiros em seu carro ainda na noite de ontem. Ele disse que negociava a venda de armas com a vítima.
 
Rodson foi assassinado com um tiro no rosto enquanto estava em seu carro, por volta das 20h na rua H, do bairro Jardim Flamboyant. No veículo foi encontrada a quantia de R$ 5 mil. Uma equipe da Rotam logo foi acionada e se encaminhou ao local do crime.

Os policiais encontraram testemunhas e conseguiram ter acesso a imagens de videomonitoramento. Através delas eles conseguiram constatar que o veículo utilizado pelo suspeito se tratava de um Volkswagen Gol branco. A Rotam também identificou as roupas que o homem utilizava.


Através da placa do veículo os militares foram até o endereço cadastrado do proprietário e encontraram o suspeito J.W.S., que ainda usava as mesmas roupas do momento do crime. Foi então dada voz de prisão ao jovem, que confessou ter matado Rodson.


Ele ainda informou o endereço do co-autor do crime, que estaria com a arma utilizada no crime. A Rotam então foi até a casa de J.R.C.S., de 19 anos, mas ele não foi encontrado.


O suspeito então foi conduzido à Central de Flagrantes para que fossem tomadas as providências. À Polícia Civil o soldado do Exército contou que negociava armamento com a vítima.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo