26 de Junho de 2019

ENVIE SUA DENÚNCIA PARA REDAÇÃO

Terça-feira, 14 de Maio de 2019, 08h:35 - A | A

Justiça, governo e ALMT firmam acordo para pagar funcionários da Santa Casa de Cuiabá

G1

Foto: Felipe/ Arquivo pessoal

image

Em uma audiência realizada com a Justiça do Trabalho, na última sexta-feira (10), o governo do estado e a Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) se comprometeram a disponibilizar recursos para pagar os funcionários da Santa Casa de Cuiabá, que estão com salários atrasados há sete meses.

A ALMT sinalizou a possibilidade de contribuir com R$ 3 milhões. Já o governo solicitou o prazo de 10 dias para levantar recursos e definir com quanto poderá arcar. Em contrapartida, a direção da Santa Casa terá que fazer um levantamento de quantos trabalhadores vão receber e quanto.

Depois de definido o valor que será repassado pelo estado, haverá um prazo de cinco dias para que o depósito seja feito. E ficará a cargo da administração do hospital quitar os salários.

Os sindicatos representantes das categorias também participaram das negociações. Todos estão convocados para outra audiência prevista para o dia 27 de maio.

O governo assumiu a administração da Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá, no início de maio. A unidade hospitalar estava fechada há quase dois meses em função de uma crise financeira.

 

Crise financeira

 

A unidade de saúde fechou as portas depois de mais de 200 anos em atividade porque tem uma dívida superior a R$ 118 milhões. Os cerca de 800 funcionários do hospital estão com seis salários em atraso.

A direção da Santa Casa anunciou a suspensão de internações no dia 11 de março, alegando a falta de repasse no valor de R$ 3,6 milhões por parte da prefeitura.

Imprimir

ENQUETE

VEJA MAIS

Você é contra ou a favor ao novo decreto do porte de armas?

PARCIAL

RÁDIO

Coletiva Santa Casa

Áudios da coletiva sobre a Santa Casa


(65) 3052-6030

redacaocopopular1@gmail.com admcopopular1@gmail.com financeiro@copopular.com.br

image